Review: “205 S02E05 – The Affair

Também conhecido como a Emmy Tape de Ruth Wilson.

Spoilers abundam a partir daqui.

“205” foi um baita episódio, digo logo de cara. O ponto de vista da Alison foi um dos mais esclarecedores de todos, mostrando que a visão que o Noah tem dela nos pontos de vista dele (extremamente sexualizada, sensual, sedutora) é o que ele está colocando no livro e que essa mesma visão parece ser compartilhada por outros homens, incluindo o ex-patrão e marido da megera Yvonne, que a demitiram.

Sinceramente, se eu fosse a Alison eu iria voltar pro Cole. Todas as complicações com Noah, somadas a essa visão ofensiva dela como uma força sexual tão intensa que ele não conseguiu resistir formam um combo que torna uma relação bem difícil de se manter, e a última coisa que ela quer é complicação. Bom, ela voltou, mas como sabemos pelos flash-forwards, ela teve uma filha com o Noah (será que foi com ele?), então imagino que a descoberta da gravidez vá fazê-la retomar o relacionamento.

A cena em que a Alison foi até a porta de Helen foi incrível. O diálogo, a atuação das duas, enfim, foi uma daquelas cenas em que dois mundos opostos se colidem e um destrói o outro – no caso, Alison saiu totalmente devastada.

Já no ponto de vista de Cole, começamos a ver o possível novo relacionamento dele com a mulher que o Scotty, futuro falecido e pedófilo nas horas vagas, gosta. A cena do irmão o ameaçando me fez pensar que talvez tenha sido Cole o assassino, mas tem tanta gente suspeita que já fica difícil apontar alguém. Fato é que Luisa me lembrou muito Alison em vários momentos e eu imagino que isso foi proposital – até o corte e a cor do cabelo.

Destaque também para o flash-forward no final, com a revelação inusitada de que os Lockhart compraram a lanchonete e que agora o babaca que era dono é apenas um atendente. Fiquei muito curioso para ver como isso aconteceu e achei a cena bem genial, com a revelação sendo feita primeiro de maneira discreta (o logo no uniforme) para depois abrir a câmera e mostrar o logo na parede.

Ponto alto: a atuação da Ruth Wilson. Tenho certeza que a Emmy tape dela vai sair daqui.

Ponto fraco: apesar de tornar a trama mais envolvente, os flash-forwards criam uma coisa de “como será que isso vai acontecer?” que me distrai do principal ali, o drama humano.

Nota: “205” – 9.5

Anúncios

Um comentário sobre “Review: “205 S02E05 – The Affair

  1. Esse episódio mostra como o julgamento de um traição sempre põe a mulher como “safada” e “destruidora de lares”. E esse julgamento vem de homens e, principalmente, mulheres. Nesse episódio, os personagens no caso são Helen e o casal da casa que Alison trabalhou. Tanto Noah quanto Alison erraram.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s